InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  LoginLogin  

Compartilhe | 
 

 Conversas de raparigas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12
AutorMensagem
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Dom Jul 13, 2008 8:24 am

Para isso é que vem a parte que eu expliquei a seguir... Se os pais lhe explicarem tudo convenientemente, ela vai acabar por entender. Mas, resumindo, não vai ser isso que limitará a criança em termos de inclinações sexuais...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Dom Jul 13, 2008 5:43 pm

Umahh crianxahh criadahh por homoxxexuaix tem, xim, oportunidd d n o xer, max tal cm o Ash dixxehh, ahh realidadehh com k maix contactahh (familiahh) acabahh por xer ahh maix importantehh, independentementehh dax rextantex realidadex com k contactahh.

Qt ahh ixxohh d ahh homoxxexualidadehh extar nox genex, ixxohh aindahh n táhh mexmohh provadohh. Atéhh láhh vouhh acreditar k éhh umahh kestãohh cultural ehh mexmohh dpx d provarem aindahh vouhh ter dúvidax pk ixxo dependehh, em partehh dahh educaxãohh. Ox genex nem nox marcam tantohh axxim. Ahh mulher tem ax diferentex partex dohh cérebrohh ligadax atravéx d ligaxõex maix fortex k ax dox homenx. Ox homenx, por n ax terem acabam por xehh conxeguir concentrar ehh focar em apenax umahh actividadehh. Max ixtohh ker dizer k profixxõex d homenx xerãohh xemprehh d homenx? Nãohh! NEm nadahh k xe parexahh...

Xehh ox paix perxebem ahh homoxxexualidadehh dox filhox, pk ficam tãohh xocadox aohh xaber? ok...váhh...akihh entrahh um bocadohh ahh "vergonhahh xoxial"...n foihh um bom exemplohh (...)

Xim, devemox lutar pelohh k acreditamox max tb n devemox abuxar. Háhh k extabelecer limitex.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 4:50 am

Elric escreveu:
Qt ahh ixxohh d ahh homoxxexualidadehh extar nox genex, ixxohh aindahh n táhh mexmohh provadohh. Atéhh láhh vouhh acreditar k éhh umahh kestãohh cultural ehh mexmohh dpx d provarem aindahh vouhh ter dúvidax pk ixxo dependehh, em partehh dahh educaxãohh. Ox genex nem nox marcam tantohh axxim. Ahh mulher tem ax diferentex partex dohh cérebrohh ligadax atravéx d ligaxõex maix fortex k ax dox homenx. Ox homenx, por n ax terem acabam por xehh conxeguir concentrar ehh focar em apenax umahh actividadehh. Max ixtohh ker dizer k profixxõex d homenx xerãohh xemprehh d homenx? Nãohh! NEm nadahh k xe parexahh...

Então pensa, como é que a homossexualidade começou? Antigamente era vista de forma muito pior do que agora (excepto na Antiga Grécia, onde era comum ter rapazinhos como divertimento). Não foi da educação de certeza... Não estou a imaginar pessoal da Idade Média a educar um miúdo para ser homossexual, era logo queimado na fogueira.


Elric escreveu:
Xehh ox paix perxebem ahh homoxxexualidadehh dox filhox, pk ficam tãohh xocadox aohh xaber? ok...váhh...akihh entrahh um bocadohh ahh "vergonhahh xoxial"...n foihh um bom exemplohh (...)

Nem todos ficam. Claro que alguns sim, por terem o espírito tacanho e preconceituoso desta sociedade. Devem é ficar preocupados pelo que o filho terá de passar...


Elric escreveu:
Xim, devemox lutar pelohh k acreditamox max tb n devemox abuxar. Háhh k extabelecer limitex.


Há que estabelecer limites? Eu acho que devemos lutar contra qualquer tipo de injustiça que exista para evoluir a nossa sociedade. Mesmo que a evolução seja lenta, há de acontecer. Por exemplo, antigamente existia um preconceito muito maior contra os negros que, por muita luta, diminuiu. Ainda há esperança.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:04 pm

Onde é que a homossexualidade começou...eu diria que começou com a curiosidade e, assim sendo, pode muito bem ter a ver com a educação.

Os pais acabam por se preocupar pelo que os filhos têm de passar,mas n apenas isso. esses vão mais longe e preocupam-se com o porquê dos filhos terem de passar por aquilo. E também com aquilo que eles próprios vão ter de passar (por vezes mais esta última).

Qt a combater o preconceito, tal como disseste é uma evolução lenta. deve-se deixar as pessoas pensar nas coisas e chegar a conclusões. Mas devagar...porque ao chocar os outros ainda fazem pior. (por vezes n, mas frequentemente...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:12 pm

Elric escreveu:
Onde é que a homossexualidade começou...eu diria que começou com a curiosidade e, assim sendo, pode muito bem ter a ver com a educação.

Os pais acabam por se preocupar pelo que os filhos têm de passar,mas n apenas isso. esses vão mais longe e preocupam-se com o porquê dos filhos terem de passar por aquilo. E também com aquilo que eles próprios vão ter de passar (por vezes mais esta última).

Qt a combater o preconceito, tal como disseste é uma evolução lenta. deve-se deixar as pessoas pensar nas coisas e chegar a conclusões. Mas devagar...porque ao chocar os outros ainda fazem pior. (por vezes n, mas frequentemente...)


Com a curiosidade? Eu sou curiosa em relação a estas coisas e não é por isso qeu sou homossexual... O desejo tem de ser mais intenso e intrínseco do que a simples "curiosidade"...

Ao se preocuparem com o porquê dos filhos terem de passar por aquilo, provavelmente não vão tentar contariar a sua natureza, mas sim contrariar a sociedade e lutar para que os filhos sejam aceites. O que é o correcto a fazer, se forem bons pais.

Concordo com a última parte. É uma evolução lenta, mas temos de ter paciência e esperança.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:31 pm

Curiosidade sim. Claro que o desejo é mais intenso que a curiosidade, mas eu disse como começou.

Os pais podem ser bons pais negando a orientação dos filhos. eles podem achar que ir contra a sociedade é mais doloroso, tanto para eles como para os filhos, então pensam que era muito melhor para todos se os filhos fossem "normais", heteros. Depois, tendo em conta a actual sociedade, os pais pensariam que os filhos iam contra a natureza, sim.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:35 pm

Elric escreveu:
Curiosidade sim. Claro que o desejo é mais intenso que a curiosidade, mas eu disse como começou.

Os pais podem ser bons pais negando a orientação dos filhos. eles podem achar que ir contra a sociedade é mais doloroso, tanto para eles como para os filhos, então pensam que era muito melhor para todos se os filhos fossem "normais", heteros. Depois, tendo em conta a actual sociedade, os pais pensariam que os filhos iam contra a natureza, sim.

A curiosidade pode levar ao desejo? Eu acho que só se a pessoa já for propensa a isso...

Estás a dizer que bons pais quereriam que os filhos, mesmo sendo homossexuais, tentassem ser hetero?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:52 pm

Misa_L escreveu:
A curiosidade pode levar ao desejo? Eu acho que só se a pessoa já for propensa a isso...
Não necessáriamente. Pelo menos numa fase inicial. Quantas vezes tu não lês/vÊs/ouves algo sobre alguma coisa que suscinta curiosidade, procurar algo sobre isso e depois gostas e interessas.te mais à medida que vais conhecendo? E no início era apenas curiosidade...

Misa_L escreveu:
Estás a dizer que bons pais quereriam que os filhos, mesmo sendo homossexuais, tentassem ser hetero?
Pronto...isto é um bocado subjectivo mas pronto; Se os pais pensam que o que estão a fazer é relamente o melhor para os filhos...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 12:59 pm

Elric escreveu:
Não necessáriamente. Pelo menos numa fase inicial. Quantas vezes tu não lês/vÊs/ouves algo sobre alguma coisa que suscinta curiosidade, procurar algo sobre isso e depois gostas e interessas.te mais à medida que vais conhecendo? E no início era apenas curiosidade...

Sim, mas essa curiosidade teve de partir da minha propensão para algo. Se eu não gostar de carros não vou ficar curiosa com algo relacionado a eles, e posteriormente nnão terei nenhum desejo em relação a eles.
Tu podes ficar minimamente curioso em relação a outras coisas, mas é a tua propensão para elas que te vais dizer se vais ter algum desejo por elas.


Elric escreveu:
Pronto...isto é um bocado subjectivo mas pronto; Se os pais pensam que o que estão a fazer é relamente o melhor para os filhos...

Se eles pensarem isso estão a ser idiotas, desculpa lá. Ao contrariarem a sua natureza, os filhos só vão acabar mais infelizes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 1:36 pm

A curiosidade vem de uma "propensão para algo", e esta, por sua vez vem de onde? Eu diria que de um sentido/noção cultural de "belo", de estética. Não?

Misa_L escreveu:
Se eles pensarem isso estão a ser idiotas, desculpa lá. Ao contrariarem a sua natureza, os filhos só vão acabar mais infelizes.
Por vezes n podes avaliar as pessoas apenas pelos actos (acções), mas também que é intrínseco a estes, nomeadamente as intenções. A itenção é a melhor, n é? A causa (causa?) também: o amor pelo filho(a). Simplesmente o método está errado. Por vezes não devemos ser tão radicais ao julgar alguém apenas pelos actos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 3:55 pm

Elric escreveu:
A curiosidade vem de uma "propensão para algo", e esta, por sua vez vem de onde? Eu diria que de um sentido/noção cultural de "belo", de estética. Não?

Eu diria que é genética. O que é que tem a estética a ver com a propensão para a homossexualidade? =P



Elric escreveu:
Por vezes n podes avaliar as pessoas apenas pelos actos (acções), mas também que é intrínseco a estes, nomeadamente as intenções. A itenção é a melhor, n é? A causa (causa?) também: o amor pelo filho(a). Simplesmente o método está errado. Por vezes não devemos ser tão radicais ao julgar alguém apenas pelos actos.


De boas intenções está o Inferno cheio. Agora, o acto é desprezível. E tens de pensar: será que a intenção é mesmo que o filho seja feliz, ou será mais o não passar vergonhas?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 3:59 pm

A estética...o belo...o que é nos chama a atenção? Aquilo que consideramos belo. É aquilo que consideramos belo que nos proporciona prazer.

Pode muito bem ser para o filho n passar vergonha. Ao n passar vergonha acaba por sofrer menos...talvez...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 4:07 pm

Elric escreveu:
A estética...o belo...o que é nos chama a atenção? Aquilo que consideramos belo. É aquilo que consideramos belo que nos proporciona prazer.


Não temos só prazer do belo... Temos prazer do agradável, do bom... E o amor não depende necessariamente da beleza.


Elric escreveu:
Pode muito bem ser para o filho n passar vergonha. Ao n passar vergonha acaba por sofrer menos...talvez...

Continuo a achar que sofre mais se negar a sua natureza. Mas há pessoas bem egoistas...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Seg Jul 14, 2008 4:54 pm

O agradável, de certo modo, acaba por vir do belo, n? Vá, claro que é mais abrangente que isso, mas passa muito por aí. Daí a tal "beleza interior. Até nisso se usa a palavra "belo". (campo lexical).

Quanto aos pais...sim, pode-se dizer que é uma questão de egoísmo, mas é um egoismo "saudavel", n achas? Desde que n s abuse no controlo que se tem sobre o filho...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Misa_L
Bella Lawliet
Bella Lawliet


Feminino
Número de Mensagens : 1927
Idade : 24
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Dona da sabedoria!
Data de inscrição : 22/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Sex Jul 18, 2008 11:28 am

Elric escreveu:
O agradável, de certo modo, acaba por vir do belo, n? Vá, claro que é mais abrangente que isso, mas passa muito por aí. Daí a tal "beleza interior. Até nisso se usa a palavra "belo". (campo lexical).


Passa bastante por lá, mas não acho que seja a maior parte. Por exemplo, quando comes um chocolate, não sentes prazer porque ele é belo, nem gostas dele por isso (estamo-nos a desviar um bocadinho).


Elric escreveu:
Quanto aos pais...sim, pode-se dizer que é uma questão de egoísmo, mas é um egoismo "saudavel", n achas? Desde que n s abuse no controlo que se tem sobre o filho...

Não, não acho que seja saudável na maior parte dos casos. Isso é uma desculpa. "É o melhor para o meu filho", quando só estão a pensar neles próprios. O filho que decida por ele. Aliás, é o que qualquer pessoa quer, liberdade para o fazer.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Elric
O Alquimista
O Alquimista


Masculino
Número de Mensagens : 3829
Idade : 27
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : El Ric
Data de inscrição : 17/04/2008

Death Note RPG
Nome: José Maria dos Santos

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Sab Jul 26, 2008 8:36 am

Misa_L escreveu:
Eu diria que é genética.
Eu diria que não é tão simples quanto isso. Se é uma questão de genética vais ter de aceitar que criminosos e serial killers não tinham outra escolha se não matar,isto porque já tinham uma propensão para isso.

Misa_L escreveu:
O filho que decida por ele. Aliás, é o que qualquer pessoa quer, liberdade para o fazer.
E desde quando é que as pessoas sabem o que querem? Quantas vezes nós não temos grandes pancas por coisas que, um ano depois, um mês depois, três dias depois, se acabam por revelar insignificantes? Ter dúvidas faz parte da vida de um adolescente, dúvidas, incertezas etc. Eles sabem lá o que querem! Sabem o que querem no momento, mas não pensam (ou quando pensam sonham de mais) a longo, longo prazo.

Ah! homossexualidade! Agora lembrei-me de uma coisa: complexo de édipo! Isto considera-se extremamente importante na vida de qualquer criança e requer, objectivamente, um pai e uma mãe e não dois pais ou duas mães. É com este complexo que as crianças começam a ganhar noção de quem realmente são por se "afastarem" (ou "aproximarem") mais do outro sexo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Loba Solitária
Little Monster
Little Monster


Feminino
Número de Mensagens : 2909
Idade : 20
Localização : Halfway between Fantasy & Reality
Humor : Dirty Pony I can't wait to hose you down.
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : I'm a Bad Kid u_u
Data de inscrição : 21/11/2007

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Sab Nov 26, 2011 9:51 pm

É assim xD encontrei uma mensagem aqui neste tópico e não resisto, vou responder com a minha opinião.

Nuno escreveu:
Hentai é mais normal... Homem + mulher = correcto

Homem + homem = ... NOJO!!!
Mulher + Mulher = ...NOJO!!!

E sim... eu "imagino-me" a fazer aquilo tudo e epah.... já imaginam o que sinto... *corre para a casa de banho a ponto de "throw up"

Nuno escreveu:

Faz-me apenas confusão ver aquela nojeira.

SupeRaul escreveu:
OMFG!

e aqueles que se vestem de mulheres...


Homem + Homem = Love

Mulher + Mulher = love

Mulher + Homem = love

Preconceito = NOJO

A mim não me mete impressão.



Respeito, apoio a igualdade.

Agora claro, respeito se me respeitarem.
Não gosto que dois homens se põem aos beijos a minha frente, da mesma maneira que nao gosto que um homem e uma mulher o faça.

um homem pode vestir-se de mulher, de homem, de urso ou lá o raio, é a vida dele. é a escolha dele e se ele for feliz assim, é o mais importante. E não aquilo que os outros vão pensar, ou se gostam daquilo que são ou não.

Não vou julgar ninguém por isso. Ou dizer o que é correcto ou não.

E sim, existem homossexuais que são uma vergonha, e sim, existem heterossexuais que são uma vergonha e uns porcos do C$"#&%/&$


Full equality for all ~



Nuno escreveu:
Eu não sou racista;só não gosto de algumas pessoas de uns países ^^"


Agora lembraste-me deste quote:

"Eu não sou racista.
Porque racismo é crime e crime é coisa de preto. "


Nuno escreveu:
Mas africanos não tenho problemas ( só com os da Cova da Moura e da Amadora, mas isso é outra coisa ^^""


Racismo não é ter problemas com africanos.

"O racismo é a tendência do pensamento, ou o modo de pensar, em que se dá grande importância à noção da existência de raças humanas distintas e superiores umas às outras, normalmente relacionando características físicas hereditárias a determinados traços de caráter e inteligência ou manifestações culturais. "

Ser-se de outro país não é razão para não se gostar de alguém
Podem ser diferentes de nós pela cultura e o meio em que vivem, ai não podemos compara-los connosco, porque para eles, nós também somos diferentes.

Respeito-os apesar de serem diferentes.
Todos os países têm a sua cultura e isso não os faz melhores ou piores que nos, ou é uma razão para não gostar.



_________________






Última edição por Loba Solitária em Dom Nov 27, 2011 9:51 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://WWW.Twitter.com/96BadRomance
ReVoLuTiOn__
Deus do Novo Mundo
Deus do Novo Mundo


Feminino
Número de Mensagens : 5168
Idade : 20
Warning :
0 / 1000 / 100

PDPA : Little Relly
Data de inscrição : 01/02/2011

Death Note RPG
Nome:

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Sab Nov 26, 2011 10:00 pm

wow Loba, muito bem respondido xD

Homem + Homem é a coisa mais HOT que existe cof* cof*

não tenho problemas com absolutamente nada


_________________



Spare me the bravado
"You'll get rewarded if you work hard", "there's always a chance"...
Only weak people use lines like those to deny their weakness


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lelouch Vi Britannia
Portador de fragmentos do Death Note
Portador de fragmentos do Death Note


Masculino
Número de Mensagens : 160
Idade : 20
Localização : No topo do TOP!
Emprego/lazer : Deus
Humor : >.<
Warning :
5 / 1005 / 100

Data de inscrição : 23/11/2011

MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Dom Nov 27, 2011 5:36 am

Sem Preconceitos >.<
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Conversas de raparigas   Hoje à(s) 9:34 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Conversas de raparigas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 12 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12
 Tópicos similares
-
» A Febre do Rainbow Loom
» nesse topico eu largo as conversas sobre politica e debates sobre o que ta acontecendo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Death Note Portugal :: Mundo Humano :: Conversa Livre-
Ir para: